Soja tem crescimento previsto de 11,8% na produção catarinense

Confira outras informações do agronegócio

O boletim agropecuário deste mês traz uma previsão de crescimento de 11,8% na produção catarinense de soja. O trigo, que está com a colheita encerrada, deve ter aumento de mais de 100% na produção, conforme já anunciado pela Epagri/Cepa. No caso da cebola e do alho, o destaque é para a qualidade da safra a ser colhida. O Boletim Agropecuário é um documento emitido mensalmente pela Epagri/Cepa com a análise econômica das principais cadeias produtivas do agronegócio catarinense.

Estado investe mais de R$ 330 milhões no fortalecimento do agronegócio em 2021

A Secretaria de Estado da Agricultura, da Pesca e do Desenvolvimento Rural (SAR) encerra 2021 com mais de R$ 330 milhões aplicados em programas e projetos voltados para aumentar a competitividade das famílias rurais e pesqueiras.

Expectativas para o próximo ano

O secretário da Agricultura, da Pesca e do Desenvolvimento Rural de SC Altair Silva, acredita que 2022 será mais uno promissor para o agronegócio catarinense. Entre os desafios está aumentar a competitividade da cadeia produtiva do leite, que sofre com a queda no consumo e elevação nos custos de produção. A ideia é não depender somente do mercado interno, ou seja, preparar o setor para exportar boa parte de sua produção.

Você sabia?

A Assembleia Legislativa aprovou a Lei que determina o corte de árvore exótica tóxica para abelhas. Trata-se da árvore Spathodea Campanulata, popularmente conhecida como espatódea, bisnagueira, tulipeira-do-gabão, xixi-de-macaco ou chama-da-floresta. Com essa Lei também fica proibido no Estado a produção de mudas e o plantio dessa árvore. O projeto é do deputado Dr. Vicente Caropreso (PSDB).

Uma substância presente no néctar das flores dessa árvore é tóxica para insetos como a abelhas e pássaros como o beija-flor. Ela não é nativa do Brasil, tendo sido importada da África, e se popularizado por conta do porte e beleza das flores.

A intenção do projeto de Lei é reverter o desequilíbrio ambiental que essa árvore provoca no ecossistema, como é a redução de populações de abelhas nativas que vem sendo registrada no país que já causa impacto na economia agrícola.

Por Jessica Rosso Crepaldi




Endereço:

Avenida Municipal, 1500, Sala 01
Centro, Turvo, SC, CEP: 88930-000
(48) 3525-3963